sexta-feira, 11 de abril de 2014

Sobre pássaros e insectos

Uma das coisa de que não me falaram, enquanto procurava um veículo de duas rodas, foi sobre insectos e pássaros. Desde sempre ambos não foram mais do que pequenas chatices, os pássaros (em particular os pombos), por terem uma pontaria exemplar em acertar no carro acabado de lavar, e os insectos por encherem o pára-brisas de marcas que as escovas, ajudadas pela água do mija-mija, tinham sérias dificuldades em remover. Hoje, passados alguns meses desde que comecei a andar de mota, rogo pragas a quem não me avisou destes dois enormes pontos negativos.
Tive o meu confronto com insectos pouco depois de ter aquirido a mota, num passeio a Coruche, quando regressava, já de noite, e em que o farol da mota parecia iluminar uma nuvem interminável de pontos à distância. Pequenos pontos que brilhavam como pequenas luas reflectindo a luz de um sol, poderoso e potente que pareciam desviar-se consoante me ia deslocando. Os maiores, por serem grandes e gordos, deveriam ter dificuldades em desviar-se embatendo com uma violência sonora no capacete ou com uma violência dolorosa nas pernas e no tronco. Nem mesmo tentando desviar a cabeça quando os via a aproximar os conseguia evitar... eles não eram gordos e lentos, eles tinham uma missão! Cheguei a casa com a viseira, o capacete, o casaco e as calças, pulvilhados de uma amálgama de cores que variava entre o laranja e o amarelo... quase uma Guernica, variando apenas na cor. Afinal há dois tipos de mamíferos alados, os morcegos e... os motoclistas.
Os pássaros... os pássaros deixaram de fazer pontaria ao carro parado e lavado, passando a concentrar-se em acertar num veículo mais pequeno e em movimento, ora fazendo pontaria ao homem ao clássico estilo kamikaze, ora tentando fazer uma redecoração ao melhor estilo pimp my ride do veículo recorrendo a uma tinta um tanto ou quanto pastosa... espero que demorem bastante a apurar a técnica japonesa e a descobrirem as leis da física. Só me ocorre dizer, ainda bem que as vacas não voam!

1 comentário: